Mineradores de criptomoedas hackeiam sites de executivos indianos

Melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • Binomo
    Binomo

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • FinMax
    FinMax

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

Mineradores de criptomoedas hackeiam sites de executivos indianos

Mineradores de criptomoedas hackeiam sites de executivos indianos. Os hackers descobriram um método para explorar sites de governos indianos como uma forma de ganhar uma fortuna com a criptomoeda de mineração usando um ataque cibernético chamado cryptojacking. Atualmente, uma equipe de pesquisadores de segurança de Guwahati, no nordeste da Índia, descobriu que os sites de casas de família no estado de Andhra Pradesh, no sul, juntamente com muitos outros sites indianos, foram afetados por malware de mineração de criptografia.

“Criptojacking é uma preocupação séria e hoje em dia muitos hackers estão migrando do desfiguramento para o cryptojacking”, Indrajeet Bhuyan, provavelmente a maioria dos pesquisadores de proteção envolvidos nos resultados, mencionados em um post no Twitter. “Os sites de governo no país estão ajudando inadvertidamente os hackers a fazer dinheiro mágico em seus sites”, informou o indiano todos os dias na segunda-feira.

A criptografia tornou-se uma forma cada vez mais comum de hackers comprarem acesso não autorizado a computadores pessoais para criptografar minas. Os hackers fazem com que os clientes cliquem em um código malicioso incorporado em hiperlinks para sites, geralmente por meio de e-mails, que carrega código de mineração de criptografia no laptop. Ocasionalmente, os hackers infectam um site com código JavaScript que pode minerar criptomoedas de sistemas de computadores de amigos.

“Os hackers visam sites executivos de mineração de criptomoedas porque esses sites recebem alto tráfego e a maioria dos americanos acredita neles. No passado, notamos muitos sites executivos sendo derrotados. Agora, a injeção de cripgers é maior em voga como o hacker poderia ganhar dinheiro “, disse Bhuyan aos tempos econômicos.

Junto com os pesquisadores de proteção Shakil Ahmed e Anisha Sarma, Bhuyan descobriu vulnerabilidades nos sites executivos, encontrando três sites que trabalhavam com o malware cryptojacking que pertencia ao subdomínio do portal do estado de Andhra Pradesh, que vê cerca de cento e sessenta mil acessos por mês.

As instâncias econômicas entraram em contato com JA Chowdary, consultor de TI do ministro executivo de Andhra Pradesh, em 10 de setembro, para alertar sobre o malware, que disse: “Obrigado por nos notificar em relação ao site de hackers AP Andhra Pradesh.”

Apesar de reconhecer o malware cryptojacking, os sites suportaram os scripts até o dia 16 de setembro, notou o jornal. é duvidoso quanto tempo cada página da web executava o utilitário cryptojacking, ou qual criptomoeda e qual quantidade era minerada.

Além dos sites do governo, o malware está se espalhando e afetando os programas de negócios de maneira inteligente. O PublicWWW é um mecanismo de busca para listas de código-fonte de mais de 119 sites indianos que executam scripts coinhivos – um software para minerar criptomoedas.

4da1a46ec20cf93ee5c846a51e04f0ed, Bhuyan e seu grupo executaram um script de aplicação ou código nas homepages de mais de 4.000 sites do diretório de governo Government Directory of India para identificar scripts de cryptojacking, muitos deles foram retirados sem que ele os cumprisse, “as instâncias financeiras indicadas.

O Coinhive é sem dúvida uma das funções de mineração de criptomoedas mais difundidas e está se tornando lucrativo para mineradores, incluindo hackers. Além disso, o pesquisador de segurança Troy Mursch publicou um relatório que incorporou detalhes sobre como o co-desenvolvimento se transformava em sites desavisados ​​em toda a Internet. O pesquisador detectou o código cointivo trabalhando em quase quatrocentos sites, juntamente com os pertencentes ao Zoológico de San Diego, à Lenovo e aos membros do Partido Trabalhista dos Estados Unidos.

Melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • Binomo
    Binomo

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • FinMax
    FinMax

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

No entanto, outra percepção se transformou em um novo CD no estilo Micro Roundup intitulado “Ameaças Invisíveis, chegando perto de Perdas”. Este arquivo, divulgado em agosto, falou sobre os métodos empregados pelos hackers para obter benefícios dos proprietários de máquinas que mudaram de ataques de malware onipresentes e tremendamente visíveis para a implementação silenciosa, mas não menos devastadora, de cryptojacking.

Os pesquisadores de segurança dizem que os ganhos estimados gerados pelo uso de cryptojacking dependem do público, do número de técnicas comprometidas e da morosidade das pessoas em um site. O tempo extra gasto enquanto navega no site, os ciclos extras de CPU que também serão emprestados para as minhas criptomoedas.

“A Crypto Mining Endeavour está se adaptando a uma empresa extremamente grande na Índia. Essa experiência é mais benéfica em sites de streaming de vídeo ilegais, onde os indivíduos ficam por horas observando vídeos ou coleções de TV ”, comentou Rajesh Maurya, vice-presidente regional da SAARC na Índia para o setor de segurança cibernética Fortinet.

Em março, o site do ministro da União Indiana para o know-how de advogados, Ravi Shankar Prasad, mudou para hackeado usando cryptojackers para minerar o monero criptomoeda. A página da web se tornou por causa disso fixa.

Hackers instalam mineradoras de criptomoedas em centenas de sites municipais

Hackers desconhecidos implementaram softwares para mineração de Monero em centenas de sites através do sistema de gerenciamento de conteúdo Drupal. Muitas páginas afetadas pertencem a várias agências governamentais, disse Troy Mursch, especialista em segurança cibernética do Bad Packets Report.

Nota-se também que cerca de 400 sites foram comprometidos – usuários desconhecidos instalaram o Coinhive, um software de mineração que extrai Monero usando vulnerabilidades em versões mais antigas do Drupal.

De acordo com Mursch, esse tipo de “cryptojacking” não é tão prejudicial quanto os vírus de extorsão, mas “ainda continua sendo um problema, especialmente para os operadores de sites”.

“Isso tudo é porque o Coinhive e outros softwares criptomonetários usam JavaScript. Todos os navegadores e dispositivos modernos suportam JavaScript, de modo que todos eles podem ser usados para mineração de criptomoedas e, infelizmente, o programa Coinhive continua a ser mal utilizado. Neste caso específico, os usuários do Drupal precisam atualizar seu software o mais rápido possível”, afirmou Mursch.

A lista de sites afetados inclui páginas do Zoológico de San Diego, da Junta Nacional de Relações Trabalhistas dos EUA, da Administração da Cidade de Marion, da Universidade de Aleppo, do Colégio Ringling de Belas Artes e Design, do governo da cidade mexicana de Chihuahua e outros. A lista completa de sites infectados pode ser encontrada em uma tabela especial.

Vale notar que os visitantes das páginas podem nem estar cientes de que seus computadores e dispositivos são usados para mineração do Monero, e, portanto, vale ressaltar alguns dos principais “sintomas” do processo, que abrangem desde redução do desempenho e desgaste ou sobreaquecimento da CPU.

Vale ressaltar que nem todos os usuários do Coinhive têm uma intenção maliciosa: a UNICEF usa esse software em eventos de caridade.

Lembre-se de que anteriormente, a empresa Trend Micro descobriu um novo vírus chamado HiddenMiner, que usa a capacidade de smartphones Android infectados para mineração de Monero. A mineradora é capaz de desativar o gadget, sobrecarregando o processador.

Chrys é fundadora e escritora ativa do BTCSoul. Desde que ouviu falar sobre Bitcoin e criptomoedas ela não parou mais de descobrir novidades. Atualmente ela se dedica para trazer o melhor conteúdo sobre as tecnologias disruptivas para o website.

Site oferece opção de minerador de criptomoeda para quem usa adblock

Desde o ano passado, alguns sites passaram a testar mineradores de criptomoeda como alternativas para anúncios. O problema é que, em geral, eles não eram transparentes e não avisavam o usuário de que estavam usando seu processador.

O site Salon, especializado em política dos EUA, decidiu usar um minerador de forma diferente: ele aparece como alternativa para quem tem um bloqueador de anúncios ativado.

Se você usa o AdBlock Plus, por exemplo, aparece um aviso: “percebemos que você está usando um bloqueador de anúncios”. Há duas opções: colocar o site na lista de domínios permitidos (whitelist), ou suprimir anúncios “permitindo ao Salon usar seu poder de computação não utilizado”.

Eu experimentei essa nova opção, e o Salon carregou sem anúncios — mas o Chrome passou a usar 20% do processador de forma constante. O FAQ explica que o minerador diminui o uso da CPU “se você iniciar um processo que requer mais recursos do seu computador”.

O minerador só ficará ativo enquanto o site estiver aberto no navegador; ao fechá-lo, o consumo de CPU volta ao normal. Ele lembra sua opção de minerar criptomoedas por 24 horas, e depois pergunta de novo se você quer desbloquear anúncios.

Segundo o Financial Times, o site não usa o minerador Coinhive — que se tornou um grande problema — e sim uma alternativa chamada AuthedMine, que “nunca é iniciado sem a autorização do usuário”. Trata-se de JavaScript; não é preciso instalar nada.

O AuthedMine é usado para minerar Monero, mas o Salon não menciona esse detalhe. Eles dizem apenas que, “para o nosso programa beta, começaremos aplicando seu poder de processamento para ajudar na evolução e no crescimento da tecnologia blockchain e criptomoedas”.

Mineradores ocultos de criptomoeda foram inseridos em domínios hackeados, em alguns sites brasileiros, e até em anúncios maliciosos no YouTube. Navegadores como o Opera adotaram bloqueadores nativos de minerador.

Essa iniciativa do Salon, no entanto, parece mais razoável. Você toparia manter o bloqueador de anúncios ativo, e em troca ceder o processamento do seu PC para minerar criptomoeda?

Com informações: Salon, The Next Web. Atualizado às 19h46.

Tecnocast 079 – Mineradores zumbis

O que você prefere: ver banners e anúncios enquanto navega em seus sites favoritos, ou doar uma parte do seu processador e não ver anúncio nenhum? Muitos sites já estão utilizando scripts que mineram criptomoeda com o seu processador. E, na maioria dos casos, nenhum aviso é exibido para o usuário.

Aproveitando essa novidade, alguns sites já arrumaram até uma forma de continuar utilizando o seu processador, mesmo quando você já fechou a aba. Então, qual seria o limite ético dos scripts de mineração? Dá o play e vem com a gente!

AdBlock testa recurso para acelerar páginas com cache de bibliotecas JavaScript

Em todo o mundo, 11% dos usuários de internet têm um bloqueador de anúncios ativo, e esse número tende a aumentar: até o Google Chrome incorporou um ad blocker nativo […]

Mineradores de criptomoeda na web são bloqueados 1 milhão de vezes ao dia

Coinhive deixou de funcionar em março, mas outros mineradores de criptomoeda seguem usando processador sem avisar o usuário

Surpresa: Adblock Plus vai vender anúncios

O que seria estranho para uma empresa que desenvolve um bloqueador de anúncios? Isso mesmo: vender anúncios. É o que a Eyeo, responsável pelo Adblock Plus, revelou nesta terça-feira (13). […]

É assim que o Adblock Plus quer ajudar a pagar por conteúdo na internet

O financiamento de conteúdo na internet ganhou uma ajuda improvável: o Adblock Plus. O bloqueador de anúncios fechou uma parceria com o Flattr nesta terça-feira (3) para permitir que os […]

Sites brasileiros estão usando um minerador oculto de criptomoeda

Nós dissemos por aqui que o Coinhive se tornou um grande problema: esse minerador oculto de criptomoeda está se disseminando por sites e apps, usando seu processador e gastando sua […]

Comentários

Os mais notáveis

Comentários com a maior pontuação

Taí, custa os outros sites terem também um pouco de transparência? Ao menos estão dando a opção de ver anúncios ou ceder processamento da máquina.

Melhores corretores de opcoes binarias 2020:
  • Binomo
    Binomo

    O melhor corretor!
    Conta demo gratuita e treinamento para iniciantes!
    Inscreva-se bonus!

  • FinMax
    FinMax

    Corretor de opcoes binarias confiavel! Boa resposta!

Like this post? Please share to your friends:
Como negociar opções binárias
Deixe uma resposta

;-) :| :x :twisted: :smile: :shock: :sad: :roll: :razz: :oops: :o :mrgreen: :lol: :idea: :grin: :evil: :cry: :cool: :arrow: :???: :?: :!: